E-mail:   Senha:

 

Esqueceu sua senha?

Home Quem Somos Caminhadas Fotos Informativos Dicas Links Contato

Informativos

 
Resenha Subida ao Moxuara

 RESENHA MOXUARA 2017

Por: Antônio Falcão

O Monte Moxuara é um excelente local para treinar montanhismo pois tem grau de dificuldade mais alto e é bem próximo de Vitória. Possui uma altitude 724m, sendo a segunda maior montanha da  grande Vitória.

 Na língua de índios que habitaram a região, o nome Moxuara quer dizer Pedra Irmã. Já para os franceses que chegaram à baía de Vitória, avistando o Monte encoberto por neblina,  Monchoir, que quer dizer imenso pano branco  e se pronuncia Muchuá.

É cercado de lendas, mas de concreto é ser objeto de  desejo que todos que apreciam um bom trekking. Por isso organizamos pelo menos uma subida por ano com o grupo

Sendo assim no dia 23 de julho programamos mais uma ascensão, que por sorte contou  com condições climáticas perfeitas: Dia de sol claro, temperatura baixa e ventos na medida certa.

No ponto de encontro, ao pé da grande montanha foram realizados ali os procedimentos que antecedem as nossas caminhadas: uma rápida preleção, distribuição do lanche de trilha, aquecimento e a sessão de fotos.

Começa numa estrada vicinal em forte subida até o Projeto Vale Moxuara dedicado a recuperação de dependentes químicos e tem hoje o apoio de instituições..

O trecho inicial tem uma trilha bem aberta, que apesar dos obstáculos naturais foi transposta com certa facilidade.

 Findo o primeiro trecho, hora da primeira parada no Mirante, local que permite uma linda visão com destaque para a montanha irmã Mestre Álvaro ao fundo. Palco de muitas fotos, lanche rápido e momento de reagrupar a turma.

 Continuando a subida, a trilha se estreita e surgem novos obstáculos, tais como pedras e raízes, com elevação considerável do grau de dificuldade. A trilha se abre num grande paredão rochoso que para  vence-lo com segurança é recomendado o uso de cordas. Mais uma pausa para amarração e de forma ordeira o grupo transpôs com facilidade este obstáculo.

Em seguida temos um trecho mais aberto, porém com pontos difíceis de serem transpostos, escorregadios e com muito trepa pedra. Mas o esforço é compensado pela exuberante vista para a cidade de Cariacica.

Percorre se então mais trecho de trilha aberta até outro paredão de pura rocha. Mais uma vez é necessário a utilização de corda para fazer uma transposição segura.

 Um pouco mais de subida, e com sol ligeiramente encoberto por nuvens, chega-se ao melhor ponto do monte para contemplação. É um local para excelentes fotos antes do deslocamento para o cume, que por ser coberto de vegetação densa com grandes árvores, é ponto para descanso e almoço de trilha, pois quase não avista o horizonte.

Após um rápido descanso teve início a descida, que transcorreu de forma segura e ordeira até a base para encerrar um dia maravilhoso, onde não faltou amizade, incentivo, solidariedade e muita alegria.

Para encerrar, agradeço a todos pela  amável companhia e energia positiva tão necessária num trekking como este.

 Espero  que possam estar conosco novamente no próximo dia 06 de agosto na inédita Trilha de santa Leopoldina a Cachoeira Moxafango.

Grande abraço

 

 

 
 
< Voltar
 
 

Copyright - Todos os direitos reservados - www.andarilhos.org